Itaúna, sábado, 30 de dezembro de 2017 às 14:13:07

Cia Independente da PM de Itaúna é rebaixada pelo Governo de Minas

  • Vereador Márcio Hakuna e o Prefeito Neider com o subcomandante geral da Polícia Militar, o Coronel André Leão, na manhã do dia 27 Vereador Márcio Hakuna e o Prefeito Neider com o subcomandante geral da Polícia Militar, o Coronel André Leão, na manhã do dia 27

 

 

As autoridades itaunenses vêm batalhado há mais de dois anos  pela ascenção da Cia Independente da PM para Batalhão Regional, o que aumentaria o efetivo policial e daria mais inpedendência aos policiais, atualmernte subordinados à regional de Divinópolis,

Mas, na madrugada do dia 28, quinta-feira, o vereador Márcio Gonçalves, o Hakuna (PSD) divulgou um vídeo nas redes sociais no qual expressa sua indignação com a decisão do Governo de Minas Gerais em rebaixar a Quinta Companhia Independente de Polícia Militar.

 

O vereador ressaltou que, nos últimos 30 dias, esteve juntamente com o vereador Giordane Alberto (PMDB), o vice-prefeito Fernando Franco (PMDB), o prefeito Neider Moreira (PSD), Deputados Laudivio Carvalho (SD), Deputado Jaiminho Martins e Deputado Agostinho Patrus (PV), com o Secretário de Estado de Segurança Pública, Dr. Sérgio Menezes, quando apresentaram diversos argumentos pedindo que a Cia. Independente fosse elevada a Batalhão.

 

Uma das justificativas apresentadas por ele, foi a de que o índice de crimes violentos e homicídios cresceu 50%.

 

No vídeo, ele afirma que eles estiveram, na manhã do dia 27, quarta-feira com o subcomandante geral da Polícia Militar, o Coronel André Leão. Esse último afirmou que na próxima terça teria uma conversa com o Comando Geral para manter a Companhia Independente como tal.

 

Hakuna mostrou toda sua indignaçãpo  ao falar que“Depois desse aceno, nós chegamos em Itaúna por volta de 18h e já às19h e chegou a notícia de que a nossa Companhia Independente de Polícia Militar está sendo rebaixada a Companhia. Uma cidade com 92 mil habitantes, chega a 110 mil com a população flutuante. Nós temos números preocupantes, alarmantes. Estávamos tentando a elevação a Companhia Independente a Batalhão, por motivos óbvios, e agora nós somos pegos de surpresa por rebaixarem a nossa Polícia Militar” declarou o vereador durante o vídeo veiculado nas redes sociais.

 

Ainda nas redes sociais, Hakuna garantiu que o Governo de Minas Gerais não apresentou nenhum argumento que justificasse o rebaixamento. Ele afirmou que em Itaúna há um policial para mais de 1.000 habitantes, enquanto em Bom Despacho, por ser Batalhão, tem um policial para cada 218 habitantes.

 

Ele ainda solicitou que o vídeo fosse compartilhado o máximo possível, para que a indignação do povo itaunense chegasse ao Governador Pimentel

Veja mais