Itaúna, sexta-feira, 08 de dezembro de 2017 às 10:33:22

Convidado pela vereadora Gláucia Santiago, Secretário de Estado da Saúde visita Itaúna e recebe demandas para o setor

A liberação de mais recursos para a saúde por parte do Governo de Minas, para a ampliação de serviços e manutenção de setores estratégicos, foi o tema que conduziu o encontro do secretário de Estado de Saúde, Luiz Sávio de Souza Cruz, com autoridades de Itaúna e região, na manhã desta quinta-feira, 07 de dezembro. Atendendo a um convite da vereadora Gláucia Santiago, o gestor visitou a cidade e foi recepcionado pelo prefeito Neider Moreira, o presidente da Câmara, Márcio Gonçalves Pinto, o Hakuna, parlamentares, secretários municipais, servidores, além de representantes de instituições e parte da população.

 

Na tribuna da Câmara, a vereadora Gláucia Santiago conduziu os debates. Ela iniciou a reunião agradecendo a atenção do secretário de Estado em relação aos pedidos formalizados pelo Município na área da saúde e lembrou as conquistas recentes. “Desde o início do ano estamos tendo essa abertura no Governo. E com isso, já conseguimos para o Município a UTI Móvel, a autorização para a ação de doação de sangue em Itaúna, feita pela Hemominas; o castramóvel, com a anuência do Estado; dois veículos, além de equipamentos para a saúde. O Governo de Minas abriu as portas para Itaúna e isso se deve muito ao apoio do Sávio”, avaliou a parlamentar ao elogiar a atuação do secretário.

 

O gestor municipal de Saúde, Fernando Meira, reforçou as parcerias. Segundo ele, há muitos anos Itaúna não tinha essa aproximação com o governo de Minas e a União, fator que contribui para o estreitamento de vínculos institucionais, imprescindível para o desenvolvimento do setor. “O alinhamento entre a Prefeitura e o Governo permitiu que o Município aprovasse o credenciamento do Centro de Oncologia, medida que vai permitir a realização de rádio e quimioterapia em Itaúna. Essa talvez seja uma das principais medidas articuladas. Agora, juntos, vamos levar os documentos em busca da habilitação no Ministério da Saúde, o que garantirá o funcionamento da unidade, evitando o deslocamento dos pacientes para outras cidades”, reforçou Fernando Meira.

 

“Primeiro faço o registro da satisfação de ter sido convidado a participar desse encontro. De ter o reconhecimento e apresentar aquilo que já foi possível ser feito. Claro que sempre há onde progredir. Aqui eu descobri um pouco da situação em que vivem os municípios e que certamente é agravada pela maior crise da história recente do país. O Governo do Estado espera que as condições melhorem ainda mais em 2018, para que sejam atendidas essas e outras demandas na área da saúde”, afirmou Sávio de Souza Cruz.

 

O prefeito Neider Moreira agradeceu o esforço do secretário para o atendimento das demandas apresentadas e falou das melhorias e mudanças realizadas na saúde em Itaúna. “Em menos de um ano as ações ganharam visibilidade porque foi feito o necessário. A gestão séria e eficiente dos recursos permitiu a contratação de mais médicos, viabilizando o Plantão de Neurologia no Pronto Socorro 24 horas; possibilitou também a ampliação dos serviços na Policlínica Dr. Ovídio Nogueira Machado, com o atendimento a mais especialidades clínicas, além da implantação de programas preventivos de saúde, como o Teste do Olhinho, a ampliação da assistência às itaunenses, a partir da inauguração do Espaço da Mulher e, tão importante quanto, as negociações com o Hospital Manoel Gonçalves para assumir a gestão do Plantão”, resumiu. Ainda segundo Neider, essa última medida permitiu, em novembro, aumento de cerca de 20% no número de atendimentos no Pronto Socorro, reforçando a seriedade do trabalho administrativo tanto da Prefeitura quanto do Hospital.

 

O prefeito aproveitou a oportunidade para transmitir ao secretário que estendesse ao governador Fernando Pimentel as preocupações em relação ao atraso dos repasses financeiros por parte do Governo de Minas. “O não pagamento de obrigações, como a transmissão de recursos do ICMS, por exemplo, coloca o Município em situação preocupante e faz com que as prefeituras que não planejaram o fluxo de caixa enfrentem sérios problemas com o pagamento de servidores e fornecedores, e com a manutenção de serviços. Se não fosse o esforço brutal que está sendo realizado desde janeiro, com certeza o Município estaria em uma situação de dificuldade para honrar compromissos”, analisou Neider.

 

Também presente no encontro, o prefeito de Piedade das Gerais, Rogério Mendes, falou das dificuldades municipalistas. “Falar depois do prefeito Neider é difícil porque ele resumiu a realidade enfrentada pelos municípios mineiros. Em Piedade das Gerais, onde quase de toda a receita depende exclusivamente de repasses financeiros da União e do Estado, qualquer atraso tem consequência direta nos serviços oferecidos”, reforçou.

 

O vice-prefeito de Divinópolis, Rinaldo Valério, levantou a questão da saúde em âmbito regional e depositou expectativa na conclusão do Hospital Regional que, quando entregue, vai aumentar a capacidade de atendimento para dezenas de municípios.

 

Durante o encontro, o presidente da Câmara, Marcinho Hakuna, destacou o trabalho dos vereadores com foco em viabilizar mais recursos para o aperfeiçoamento dos serviços oferecidos à população. Silvano Gomes Pinheiro reforçou a dificuldade financeira dos municípios e destacou a união de esforços como medida indispensável para promover a ampliação da assistência na área urbana e também na zona rural.

 

Também participaram da reunião os vereadores Giordane Alberto, vice-presidente da Mesa Diretora do Legislativo, e Antônio José de Faria, secretário. Estiveram presentes o líder do Governo na Câmara, Hudson Bernardes; Alex Artur (Lequinho), Alexandre Campos, Anselmo Fabiano e Lacimar Cezário da Silva (Três), além dos titulares das pastas de Governo e Planejamento, Alisson Diego Batista Moares, de Administração, Dalton Nogueira; de Assistência Social, Élvio Marques; e o chefe de gabinete, Valter Gonçalves do Amaral.

Veja mais